Livros Grátis

 Livros Grátis  |  Livros para Download Grátis  |  Contato  |  Mapa do Site

Principal
> Livros Grátis
> Politica de Privacidade
> Contato
Veja Também
> Contos de Machado de Assis
> Fernando pessoa


Aluísio Gonçalves de Azevedo


Aluísio Azevedo

Aluísio Gonçalves de Azevedo nasceu em São Luís (Maranhão) a 14 de abril de 1857 e morreu em Buenos Aires (Argentina) a 21 de janeiro de 1913. Homem de temperamento irrequieto, exerceu as mais diversas profissões. Foi funcionário público, jornalista, professor, teatrólogo, caricaturista, cenógrafo, romancista e, algumas vezes, poeta. A sua obra literária, que é bastante vasta, compreende principalmente romances e peças de teatro, muitas das quais foram escritas em colaboração com Artur de Azevedo, que era seu irmão. Assinou com pseudônimos alguns dos seus trabalhos; os que usou mais freqüentemente foram Victor Leal e Gil Vaz. A sua produção jornalística aparece, com certa assiduidade, nos jornais Pacotilha e Pensador, do Maranhão, e as suas caricaturas no Fígaro e O Mequetrefe. Ingressando na carreira diplomática, exerceu funções consulares na Espanha, no Japão e, finalmente, na Argentina, onde faleceu.

Baixar Livros Grátis de Aluísio Azevedo

A Condessa Vésper

Livro Gratis A Condessa Vésper de Aluísio Azevedo

A condessa Vésper oferece agudas observações da geografia humana do Rio de Janeiro da época, descreve admiráveis painéis da cidade, dentro da perspectiva detalhista que caracteriza o estilo Do mesmo modo, estão presentes certos modos de falar e a riqueza vocabular que alguns tipos humanos, ousadamente reconhecíveis nas classes despossuídas, faziam uso.

Autor Aluísio Azevedo
Site http://www.dominiopublico.gov.br
Formato Livro Grátis em PDF com 1.13 MB

A Mortalha de Alzira

Livro Gratis A Mortalha de Alzira de Aluísio Azevedo

A mortalha de Alzira é o oitavo romance de Aluísio Azevedo, já conhecido do público leitor por obras como O mulato, de 1881. Publica A mortalha de Alzira sob o pseudônimo de Vítor Leal, em forma de folhetim, no jornal Gazeta de Notícias, de 13 de fevereiro a 23 de março de 1891. Em 1892 A mortalha de Alzira foi publicado em volume, alcançando muito sucesso: foram vendidos 10.000 exemplares em três anos, o que, na época, foi considerado um recorde. A mortalha de Alzira é o único livro do autor que se passa na sua íntegra fora do país, na França, no período do reino de Luís XV, século XVIII, nos arredores de Paris. Sua história é a eterna luta entre a fé e o erótico: o padre Angelo busca desesperadamente reprimir sua paixão pela cortesã Alzira.

Autor Aluísio Azevedo
Site http://www.dominiopublico.gov.br
Formato Livro Grátis em PDF com 588 KB

Casa de Pensão

Livro Gratis Casa de Pensão de Aluísio Azevedo

Casa de Pensão é uma espécie de narrativa intermediária entre o romance de personagem (O Mulato) e o romance de espaço (O Cortiço). Como em O Mulato, todas as ações ainda estão vinculadas à trajetória do herói, nesse caso, Amâncio de Vasconcelos. Mas, como em O Cortiço, a conquista, ordenação e manutenção de um espaço é que impulsiona, motiva e ordena a ação. Espaço e personagem lutam, lado a lado, para evitar a degradação.

Autor Aluísio Azevedo
Site http://www.dominiopublico.gov.br
Formato Livro Grátis em PDF com 992 KB

Demônios

Livro Gratis Demônios de Aluísio Azevedo

'Demônios' é o primeiro volume de contos de Aluísio Azevedo. Publicado em 1893, reúne pequenas narrativas humorísticas, ao estilo de Guy de Maupassant; um conto longo, 'Demônios', considerado por muitos um precursor da ficção científica brasileira; e algumas histórias propriamente naturalistas. A maioria dos contos se passa no Rio de Janeiro e trata de temas urbanos como o anonimato, a mulher assalariada e encontros casuais entre desconhecidos. 

Autor Aluísio Azevedo
Site http://www.dominiopublico.gov.br
Formato Livro Grátis em PDF com 136 KB

Filomena Borges

Livro Gratis Filomena Borges de Aluísio Azevedo

Neste romance encontramos o casal Borges e Filomena: esta, ambiciosa, busca através do casamento uma forma de ascender socialmente. Borges, no entanto, embora possua bens, é pacato, dócil cidadão sem muitas ambições. Assim, não corresponde ao ideal de marido que Filomena tem em mente. Esta buscará, então, modificá-lo a todo custo. Um incidente na primeira noite mostra para Borges como será difícil seu casamento: Filomena o expulsa do leito nupcial, obrigando-o a dormir fora do quarto.

Autor Aluísio Azevedo
Site http://www.dominiopublico.gov.br
Formato Livro Grátis em PDF com 528 KB

O Cortiço

Livro Gratis O Cortiço de Aluísio Azevedo

A história de O Cortiço trata de como viviam vários moradores no Brasil, num período anterior ao surgimento das famosas favelas. Narrando as aventuras de mercadores, capoeiristas e comerciantes para viver em meio as adversidades. Utilizando de prosa naturalista e de zoomorfismo (transformação das características humanas em animais). Um dos clássico incomparáveis da literatura.

Autor Aluísio Azevedo
Site http://www.dominiopublico.gov.br
Formato Livro Grátis em PDF com 540 KB

O Coruja

Livro Gratis O Coruja de Aluísio Azevedo

Publicado em 1887, a obra retrata a classe média oitocentista, e seus problemas como: o casamento, as finanças, a juventude, heranças, intrigas, etc. Ainda que relevante, o personagem que dá título ao romance, é figura secundária dentro do enredo. O protagonista é Teobaldo, André, O Coruja, conheceu no internato e do qual se fizera protetor até a sua morte. Segundo o professor Massaud Moisés, a obra flutua entre o esteticismo com vistas ao entretenimento e o flagrante verídico da conjuntura do final do século XIX.

Autor Aluísio Azevedo
Site http://www.dominiopublico.gov.br
Formato Livro Grátis em PDF com 1.03 MB

O Esqueleto

Livro Gratis O Esqueleto de Aluísio Azevedo

O cenário deste romance-folhetim é o Rio de Janeiro da época do Príncipe Regente do Brasil, que nas páginas mesmas deste livro proclama a Independência do país, tornando-se seu primeiro Imperador. Em becos estreitos e ruidosas tabernas da antiga capital, assiste-se ao desenrolar de verdadeiro mistério que envolve a Casa de Bragança. A sátira de Victor Leal descreve aqui um Príncipe Regente conquistador e vingativo, que se movimenta pelas ruas enlameadas da cidade ao lado de seu mestre de armas e fiel confidente.

Autor Aluísio Azevedo
Site http://www.dominiopublico.gov.br
Formato Livro Grátis em PDF com 300 KB

O Homem

Livro Gratis O Homem de Aluísio Azevedo

Magdá, a mulher que sofre de histeria em decorrência de questões afetivas não resolvidas, é uma personagem dividida. Em sonhos e delírios, avulta-se a livre expressão de sua sexualidade e carência amorosa. Nos episódios de lucidez, refugia-se em rígidos princípios morais e religiosos, denegando as experiências vividas no sonho e nas crises patológicas. Luís, um trabalhador de pedreira, é o homem, seu parceiro amoroso no mundo imaginário. O trágico acompanha a doença de Magdá, para explodir de forma surpreendente no final do romance. 

Autor Aluísio Azevedo
Site http://www.dominiopublico.gov.br
Formato Livro Grátis em PDF com 260 KB

O Japão

Livro Gratis O Japão de Aluísio Azevedo

"O Japão" é um dos livros menos conhecidos de Aluísio Azevedo, escrito enquanto o autor esteve em serviço no Japão e usando todo o conhecimento que ele adquiriu entre 1897 a 1899. Mesmo saindo da vertente literária e usando uma análise histórica, Aluísio se utilizou de sacadas geniais para sua obra.

Autor Aluísio Azevedo
Site http://www.dominiopublico.gov.br
Formato Livro Grátis em PDF com 340 KB

O Livro de uma Sogra

Livro Gratis O Livro de uma Sogra de Aluísio Azevedo

A obra retrata uma viúva independente que planeja a vida conjugal da filha, procurando evitar que ela passe pelas mesmas frustrações que teve, com um plano da felicidade e dos desejos presentes no início do casamento.

Autor Aluísio Azevedo
Site http://www.dominiopublico.gov.br
Formato Livro Grátis em PDF com 572 KB

O Mulato

Livro Gratis O Mulato de Aluísio Azevedo

Em O mulato, publicado no ano de 1881, Aluísio Azevedo deixa marcado, pela ambiência e cenário da obra, o preconceito racial maranhense, além de demonstrar os abusos eclesiásticos que se escondiam, como por salvo-conduto, na batina e na suposta santidade de um homem por ter-se tornado um padre. O fato de retratar as contradições e intolerâncias maranhenses explica por que a obra foi recebida de maneira entusiástica pela crítica literária na corte e nas províncias e renegada no Maranhão.

Autor Aluísio Azevedo
Site http://www.dominiopublico.gov.br
Formato Livro Grátis em PDF com 456 KB

Uma Lágrima de Mulher

Livro Gratis Uma Lágrima de Mulher de Aluísio Azevedo

Uma Lágrima de Mulher" é o primeiro romance de Aluísio Azevedo, obra sentimental e em estilo romântico, mas que até hoje é lido por grande número de leitores e adotado em cursos para vestibular de várias faculdades. Livro que encanta e emociona. 

Autor Aluísio Azevedo
Site http://www.dominiopublico.gov.br
Formato Livro Grátis em PDF com 336 KB

www.elivros-gratis.net
Leia  |  Publique  |  Compartilhe
Centenas de Livros Grátis para Baixar, Ler e Compartilhar